Artigo

Aumento das reservas diretas de hotéis: um efeito colateral da pandemia

Como seria de esperar, o relatório anual Top Booking Channels, da SiteMinder, veio justamente demonstrar que a situação de crise provocada pela pandemia do novo coronavírus trouxe consigo uma alteração ao nível do comportamento do consumidor, no que respeita à reserva de hotéis por parte dos viajantes.

A verdade é que se verificou um aumento substancial do número de reservas diretas, o que fez com que a consolidação dos grandes canais de distribuição como a Booking, observada em anos anteriores, começasse a recuar.

Ao analisar os dados de 2020, é possível verificar que só no ano passado surgiram cerca de 32 novos canais de distribuição a nível mundial, sendo esta uma das maiores fontes de receita para o setor hoteleiro. Importa também referir que existiram pelo menos outros 20 que subiram uma média de duas posições no ranking, face aos resultados obtidos em 2019.

Os websites dos hotéis passaram a fazer parte do top 5 de todos os destinos atualizados, e isso inclui Portugal, onde as reservas diretas ocupam o segundo lugar na lista dos maiores produtores de receitas no que diz respeito às reservas do setor hoteleiro. Ainda de acordo com os dados da SiteMinder, a posição dos sites de hotéis verificou uma subida superior a um terço desde abril de 2020, quando as reservas caíram para menos de 10% face ao ano anterior.

Para além disso, tem-se verificado um fortalecimento e consolidação dos canais de distribuição locais e regionais, devido ao facto de o comportamento do consumidor ter mudado, em função das restrições impostas pelo governo relativamente às viagens internacionais.

André Gois, gerente nacional da SiteMinder, relembra ainda que “é fundamental que a indústria hoteleira avalie como e onde vende os seus quartos e garanta que adota os canais de distribuição – globais e locais, directos e indirectos – com eficácia comprovada em assegurar reservas e receita”.

Neste sentido, e para que consiga ter uma noção real do mercado atual e das melhores escolhas a adotar para o seu negócio, damos agora a conhecer a lista completa dos principais canais de reserva em Portugal, no último ano, de acordo com a plataforma SiteMinder:

  • Booking
  • Websites de Hotéis
  • Expedia Group
  • Hotelbeds
  • Jet2holidays
  • OTS Globe
  • Abreu Online
  • EC Travel
  • Traveltino
  • World 2 Meet
  • Portimar
  • Agoda

 

Deste modo, relembramos a importância de adequar as suas estratégias de marketing, vendas e comunicação àquele que é o comportamento atual do consumidor, considerando que o mesmo tende a mudar de acordo com as alterações que se manifestam em seu redor, devendo por isso ser um ponto a analisar de tempos a tempos.